TERÇOS PELAS ALMAS

I

O TERÇO DAS ALMAS

(310 mil dias de indulgência aplicáveis às almas do Purgatório)

Nas contas do Pai-Nosso:
Meu Jesus, Misericordioso, Meu Deus!
Creio em Vós, porque sois a mesma verdade.
Espero em Vos, porque sois fiel às Vossas promessas.
Amo-Vos, porque sois infinitamente Bom e Amável.

Nas três contas junto da Cruz do Terço:
Meu Bom Jesus, não me deixeis morrer sem receber os últimos sacramentos.

Nas contas das Ave-Marias nas dezenas:
Doce Coração de Maria, sede a minha salvação.

Oração de agradecimento por São José:
Santíssima Trindade, eu vos ofereço os Corações de Jesus e de Maria, com os seus merecimentos e o seu Amor, em nome de São José, para vos agradecer todos os dons que lhe concedestes, sobretudo por tê-lo feito Pai adotivo de Jesus e Esposo verdadeiro de Maria Virgem.

II

TERÇO DA DIVINA MISERICÓRDIA PELAS ALMAS DO PURGATÓRIO

No início:

Pai-Nosso… Ave-Maria… Creio…

Nas contas grandes:

Eterno Pai, eu Vos ofereço o Corpo e o Sangue, a Alma e a Divindade de Vosso diletíssimo Filho, Nosso Senhor Jesus Cristo, em expiação dos nossos pecados, do mundo inteiro e das almas do purgatório.

Nas contas pequenas:

Pela Sua dolorosa paixão, tende misericórdia de nós, do mundo inteiro e das almas do purgatório.

No fim do terço (repetir três vezes):

Deus santo, Deus forte, Deus imortal, tende piedade de nós, do mundo inteiro e das almas do purgatório.

Repita 3 vezes:

Ó Sangue e Água que jorrastes do Coração de Jesus como fonte de misericórdia para nós, eu confio em Vós!

III

Terço de jaculatórias pelas almas do Purgatório

(Com a oração ditada por Nosso Senhor à Santa Gertrudes.)

– Faz-se o sinal da Santa Cruz.

– Reza-se o ato penitencial (“Confesso a Deus Todo Poderoso que pequei…”)

– Evocação a Deus Espírito (“Vinde Espírito Santo, Vinde por meio da poderosa intercessão do Imaculado Coração de Maria…”)

– Creio, Pai-Nosso, Ave-Maria e Glória.

Nas Contas do Pai-Nosso, reza-se a Oração ditada por Nosso Senhor à Santa Gertrudes:

“Eterno Pai, ofereço-vos o Preciosíssimo Sangue do Vosso Divino Filho JESUS, em união com todas as santas Missas que hoje são celebradas em todo o mundo, por todas as santas almas do Purgatório, pelos pecadores em todos os lugares, pelos pecadores de toda a Igreja Católica, pelos pecadores em todas as outras igrejas, pelos de minha casa e meus vizinhos. Amém!”

Nas contas da Ave-Maria:

“Jesus, Maria e José eu Vos amo, salvai almas!”

Na conta da salve Rainha:

– “Sagrado Coração de Jesus, sede nosso Amor”!

– “Doce Coração de Maria, sede nossa Salvação”!

No encerramento:

“Dai-lhes Senhor o descanso eterno e que a luz perpétua as ilumine, Descansem em paz. Amém”.

 

IV

Terço de oferecimento dos méritos infinitos das Santas Chagas de Nosso Senhor Jesus Cristo pelas almas do purgatório 

Disse Nosso Senhor Jesus Cristo à Santa Gertrudes:

“Muitíssimo grata Me é a oração pelas almas do Purgatório, porque por ela tenho ocasião de libertá-las das suas penas e introduzi-las na gloria eterna”.

 

“Certa vez pregava São Domingos sobre a importância de rezarmos o Rosário, quando um homem que o ouvia atenta e piedosamente, teve uma visão espiritual, concedida por Deus, para comprovar a veracidade das palavras de São Domingos: Ele viu muitas almas dos que estavam morrendo, adentrarem profundamente no purgatório. Ao mesmo tempo via Nossa Senhora com uma laçada de ouro, era o Rosário, através do qual a Mãe de Misericórdia retirava desse local de forte purificação, as pobres almas sofredoras.

“Tudo o que damos por caridade às almas do Purgatório, converte-se em graças para nós, e após a morte encontramos o seu valor centuplicado.” (Santo Ambrósio)

“Socorrendo as almas, praticamos a caridade em toda a sua extensão. A devoção às almas do purgatório encerra todas as obras de misericórdia, cuja prática, elevada ao sobrenatural, nos há de merecer o Céu. (São Francisco de Sales)

“Poupai Vossas lágrimas pelos defuntos e dai-lhes mais orações”. (São José Crisóstomo)

Início do terço:

(Propício para rezar todos os dias; em especial nos cemitérios, dia de finados e velórios.)

– Fazer cinco vezes o sinal da sana cruz em honra as cinco grandes Chagas do Senhor

– Ato penitencial (Confesso a Deus, Todo Poderoso, que pequei muitas vezes…)

– invocação ao Espírito Santo (vinde Espírito Santo, vinde por meio da poderosíssima intercessão do Imaculado Coração de Maria, Vossa amadíssima Esposa!) repetir três vezes

– Salmo 129:

“Do profundo abismo em que me encontro, clamo a Vos! Sejas Vossos Ouvidos atentos a voz de minhas súplicas. Se olhardes, Senhor, para as nossas iniquidades, quem poderá, Senhor, subsistir em Vossa presença?

Porém, Vós sois cheio de misericórdia, e eu espero em Vós, Senhor, por causa de Vossa Lei.

Coloquei minha confiança no Senhor e em sua palavra.

Espere assim todo Israel no Senhor, desde a aurora ate a noite. Porque o Senhor é cheio de misericórdia e Nele se encontra copiosa redenção. E Ele mesmo há de remir Israel de todas as iniquidades.

– “O descanso eterno concedei-lhes, Senhor! E a luz perpetua as ilumine. Amem”.

– “Senhor, ouvi as minhas orações! E meus clamores cheguem até Vós! Amem.

-“Divino Jesus, ofereço-vos este terço que vou rezar, contemplando os mistérios da Vossa Dolorosíssima Paixão. Concedei-me, por intercessão de Maria, Vossa Mãe Santíssima, a quem nos dirigimos, as virtudes que nos são necessárias para bem rega-lo e a graça de ganharmos as indulgências anexas a esta santa devoção. Assim seja. Amém.

“Tende misericórdia, ó Senhor, das almas dos fieis que padecem no purgatório. Dai-lhes, Senhor, o descanso eterno. Amém.

“Pai eterno, eu Vos ofereço o Sangue preciosíssimo de nosso Senhor Jesus Cristo em expiação dos meus pecados, pelas necessidades da Santa Igreja Católica, pelas almas do Purgatório pela alma de…. que pela misericórdia Vossa descanse em paz. Amém.

Pai Nosso…

Na 1ª Ave-Maria: “Glorifico-vos ó Pai Criador e pelo Imaculado e puríssimo Coração de Vossa Filha predileta, a Santíssima Virgem Maria, peço-vos pelas almas do purgatório e pela alma de……., que pela Vossa Misericórdia descanse em paz”. Ave-Maria…

Na 2ª Ave-Maria: “Glorifico-vos ó Filho Redentor do mundo, nosso Senhor Jesus Cristo, e pelo Imaculado e puríssimo Coração de Vossa Mãe, a Santíssima Virgem Maria, peço-vos pelas almas do purgatório e pela alma de ….., que pela Vossa misericórdia descanse em paz”! Ave-Maria…

Na 3ª Ave-Maria: “Glorifico-vos ó Espírito Santo de Deus, nosso santificador, e pelo Imaculado e puríssimo Coração de Vossa amadíssima Esposa, a Santíssima Virgem Maria, peço-vos pelas almas do purgatório e pela alma de ……, que pela Vossa misericórdia descanse em paz”. Ave-Maria…

 

1° Mistério doloroso: A agonia do Senhor no Horto das Oliveiras.

Ofereço-vos ó Divino Salvador, os vossos preciosíssimos suor e sangue, que derramastes em vossa santa agonia, pelas almas de meus parentes, em todos os graus.

– Pai-nosso, 10 Ave-Marias (ao final de cada uma, acrescentar a seguinte jaculatória: “Misericordiosíssimo Jesus, dai-lhes o repouso eterno”)

2° Mistério doloroso: A Flagelação do Senhor.

Ofereço-vos ó Divino Salvador, o Vosso preciosíssimo Sangue derramado na impiedosa, brutal e dolorosíssima flagelação pelas almas dos meus benfeitores espirituais e materiais, principalmente por aquelas almas que mais padecem por minha causa.

– Pai-nosso, 10 Ave-Maria (ao final de cada uma…..)

3° Mistério doloroso: A Coroação de espinhos do Senhor.

Ofereço-vos ó Divino Salvador, o Vosso preciosíssimo sangue derramado na dolorosíssima Coroação de espinhos pelas almas do purgatório, especialmente pelas mais aflitas e abandonadas.

– Pai-nosso, 10 Ave-Marias (ao final de cada uma…..)

4° Mistério doloroso: O Senhor carrega a pesada Cruz.

Ofereço-Vos ó Divino Salvador, o Vosso preciosíssimo Sangue derramado de vosso sagrado Ombro, de Vossa sagrada Face, de todo o Vosso Santo Corpo, ferido por terríveis golpes e torturas as vossas fadigas, incontáveis e inimagináveis dores e sofrimentos que suportastes ao levar a pesada cruz ao calvário, por todas as almas que entram neste momento nas chamas do purgatório, pelas almas dos sacerdotes, religiosos e profetas dos últimos séculos, autênticos videntes e confidentes de Jesus e Maria; enfim, por todas aquelas almas que me foram recomendadas.

– Pai-nosso, 10 Ave-Marias (ao final de cada uma…..)

5° Mistério doloroso: A Crucificação e Morte do Senhor.

Ofereço-vos ó Divino Salvador, o Vosso preciosíssimo sangue derramado desde o despojar de suas vestes, coladas em vossas feridas, das vossas mãos e dos vossos pés perfurados e todas as vossas agonias na hora de vossa morte, pela alma de……. Que o sangue precioso e a água sagrada emanada de vosso puríssimo coração lanceado e trespassado pela dura lança, abram-lhe a porta dos céus, a fim de que unida aos santos anjos, santos e principalmente a vossa mãe santíssima, vos bendiga para sempre junto ao eterno Pai na unidade do Espírito Santo, Amém.

– Pai-nosso, 10 Ave-Marias (acrescentando ao final de cada uma:“Misericordiosissimo Jesus, dai-lhes o repouso eterno”)

– Salve Rainha.

por anaalmada2013 Postado em Terços

O SANTO ROSÁRIO

O terço

“Rezem o terço todos os dias; rezem muito e façam sacrifícios pelos pobres e pecadores.” (N. Sra de Fatima aos três pastorinhos)

“Rezai o Terço todos os dias” (N. Sra de Fatima aos três pastorinhos).

“O Rosário é, pelas almas, como o Pão Espiritual de cada dia” (Irmã Lúcia).

“O Rosário é para todos uma fonte de benefícios inapreciáveis. Eleva-nos insensivelmente ao conhecimento perfeito de Jesus Cristo, purifica as nossas almas do pecado, abrasa-nos do amor a Nosso Senhor e enriquece-nos de graças e de méritos” (S. Luís Maria Grignion de Montfort).

“No Rosário tenho encontrado os atrativos mais suaves, mais eficazes e mais poderosos para me unir com Deus!” (Santa Teresa de Jesus)

 

O Rosário é uma oração completa, pois abrange: oração, meditação e contemplação dos mistérios de Deus. Esta devoção tem o privilégio de ter sido recomendada por Nossa Senhora, ao aparecer em Fátima, ela assim pediu aos pastorzinhos: “Meus filhos, rezem o terço todos os dias”.

As pessoas e as famílias que rezam o terço todos os dias recebem muitas graças e a proteção especial de Nossa Senhora.

O Santo Rosário compreende a meditação dos vinte mistérios da Fé Católica, divididos em quatro grupos de cinco mistérios. Cada grupo de mistérios corresponde a um Terço. A contemplação dos mistérios do Rosário nos conduz a profunda meditação da Palavra Sagrada da Bíblia e das passagens mais importantes do Evangelho.

Os mistérios do Santo Rosário são: Gozosos, Dolorosos, Luminosos e Gloriosos.

O Terço ou o Rosário podem ser rezados individual ou coletivamente.

 

COMO REZAR

 

Sinal da Cruz

Em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

 

Oração preparatória

Vinde, Espírito Santo, enchei os corações dos vossos fiéis e acendei neles, o fogo do vosso amor. Enviai o vosso Espírito e tudo será criado. E renovareis a face da terra.

Oremos

Deus, que instruístes os corações do vossos fiéis com a luz do Espírito Santo, fazei que apreciemos retamente todas as coisas segundo o mesmo Espírito  gozemos sempre da sua consolação. Por Cristo, Senhor nosso. Amém.

 

Oferecimento

Divino Jesus, eu vos ofereço este terço que vou rezar, contemplando os mistérios da nossa Redenção. Concedei-me,  pela intercessão de Maria, vossa Mãe Santíssima, a quem nos dirigimos, as virtudes para bem rezá-lo e a graça de ganharmos as indulgências desta santa devoção. Oferecemos particularmente este terço pela Igreja, pelo Papa, pelo aumento e santificação das vocações (colocam-se também as intenções particulares).

 

Creio em Deus Pai

Creio em Deus Pai, todo poderoso, criador do céu e da terra, e em Jesus Cristo seu único Filho, Nosso Senhor, que foi concebido pelo poder do Espírito Santo, nasceu da Virgem Maria, padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado, morto e sepultado, desceu à mansão dos mortos, ressuscitou ao terceiro dia, subiu aos céus e está sentado à direita de Deus Pai todo poderoso, donde há de vir a julgar os vivos e os mortos; creio no Espírito Santo, na santa Igreja Católica, na comunhão dos santos, na remissão dos pecados, na Ressurreição da carne e na vida eterna. Amém.

 

Pai-Nosso (nas contas maiores)

Pai nosso, que estais no céu, santificado seja o vosso nome, venha a nós o vosso reino, seja feita a vossa vontade assim na terra como no céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje, perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tenha ofendido e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. Amém.

 

Ave-Maria (nas contas menores – dezenas)

Ave-Maria, cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós pecadores, agora e na hora de nossa morte. Amém.

 

Glória ao Pai (ao final de cada dezena)

Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre. Amém!

 

Jaculatórias (após os Glória ao Pai)

  • Ó  Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a Vós!
  • Ó meu Jesus, perdoai-nos, livrai-nos do fogo do inferno, levai as almas todas para o céu e socorrei principalmente as que mais precisarem.

 

Mistérios de cada dia (ver As Meditações do Santo Rosário)

 

Agradecimento e Salve Rainha (Última oração ao final do terço)

Infinitas graças vos damos, Soberana Rainha, pelos benefícios que todos os dias recebemos de vossas mãos liberais. Dignai-vos, agora e para sempre tomar-nos debaixo do vosso poderoso amparo e para mais vos agradecer, vos saudamos com uma Salve Rainha:

“Salve, Rainha, Mãe de misericórdia, vida e doçura, esperança nossa, salve! A vós bradamos, os degradados filhos de Eva. A vós suspiramos, gemendo e chorando neste vale de lágrimas. Eia, pois, advogada nossa, esses vossos olhos misericordiosos a nós volvei e, depois deste desterro, mostrai-nos Jesus, bendito fruto do vosso ventre! Ó clemente, ó piedosa, ó doce sempre Virgem Maria. Rogai por nós, Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém!”

 

As meditações do Santo Rosário

Em cada dia da semana, contempla-se um grupo de mistérios:

Mistérios gozosos (segunda-feira e sábado)

1º – Anunciação do anjo São Gabriel a Nossa Senhora (Lc 1,26-38)
2º – Visita de Nossa Senhora à sua prima Santa Isabel (Lc 1,39-56)
3º – Nascimento de Jesus em Belém (Lc 2,1-21)
4º – Apresentação do Menino Jesus no templo (Lc 2,22-40)
5º – Encontro de Jesus no templo entre os doutores da lei (Lc 2,41-52)

Mistérios luminosos (quinta-feira)

1º – O batismo de Jesus no Jordão (Mt 3,13-17)
2º – O 1º milagre nas bodas de Cana (Jo 12,1-12)
3º – O seu anúncio do Reino de Deus com o convite à conversão (Mc 1,15 * Mc 2,3-13 * Lc 7,47-48 * Jo 20, 22-23)
4º – A sua transfiguração (Lc 9,28-36)
5º – A instituição da Eucaristia (Jo 13,1-20)

Mistérios dolorosos (terça-feira e sexta-feira)

1º – Agonia mortal de Jesus no horto das Oliveiras (Mt 26,36-46)
2º – Flagelação de Jesus atado à coluna (Mt 27,11-26)
3º – Coroação de espinhos de Jesus  (Mt 27,27-31)
4º – Subida dolorosa do Calvário (Jo 19,17-24)
5º – Crucificação de Jesus (Jo 19,25-37)

Mistérios gloriosos (quarta-feira e domingo)

1º – Ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo (Jo 20,1-18)
2º – Ascensão gloriosa de Jesus Cristo ao céu (At 1,4-11)
3º – Descida do Espírito Santo sobre os apóstolos (At 2, 1-13)
4º – Assunção gloriosa de Nossa Senhora ao céu (Sl 44,11-18)
5º – Coroação de Nossa Senhora no céu (Ap 12,1-4)

por anaalmada2013 Postado em Terços

TERÇO DA DIVINA MISERICÓRDIA

Palavras de Jesus à Irmã Faustina:

“As almas que rezarem este terço serão envolvidas pela minha misericórdia em sua vida e especialmente na hora da morte” (Diário nº 754).

“Quando recitam este terço junto a um agonizante, aplaca-se a ira divina, inconcebível misericórdia envolve a alma…” (Diário nº 811)

“Recita, sem cessar, este Terço que te ensinei. Todo aquele que o recitar alcançará grande misericórdia na hora da sua morte. Os sacerdotes o recomendarão aos pecadores como a última tábua de salvação. Ainda que o pecador seja o mais endurecido, se recitar este Terço uma só vez, alcançará a graça da Minha Infinita Misericórdia” (Diário, 687).

 

Como rezar o terço:

terc3a7odamisericordia1

No início:

Pai-Nosso… Ave-Maria… Creio…

 

Nas contas grandes:

Eterno Pai, eu Vos ofereço o Corpo e o Sangue, a Alma e a Divindade de Vosso diletíssimo Filho, Nosso Senhor Jesus Cristo, em expiação dos nossos pecados e do mundo inteiro.

 

Nas contas pequenas:

Pela Sua dolorosa paixão, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro.

 

No fim do terço (repetir três vezes):

Deus santo, Deus forte, Deus imortal, tende piedade de nós e do mundo inteiro.

 

Repita 3 vezes:

Ó Sangue e Água que jorrastes do Coração de Jesus, como fonte de misericórdia para nós, eu confio em Vós!

por anaalmada2013 Postado em Terços